Translate/traduza

domingo, 15 de março de 2009

Os teus olhos pareciam eternos...


Recordo a ternura que irradiava do teu olhar,

a tua beleza era uma fórmula divina,

a tua voz doce e quente abrandava tempestades...

Acreditei que tudo em ti fosse perfeito,

eterno, apaixonante...

Lembro-me de ti como da mais bela manhã,

como se as madrugadas pudessem ter côr...

Sinto-te nas noites longas,

espero-te em cada lugar,

como se tivesses a resposta,

a palavra, a revelação

do mistério da vida e da morte...

1 comentário:

gisela disse...

gosto muito de tudo o que leio aqui....... verdadeira poesia.

Related Posts with Thumbnails